Notícias

46 Dias de Greve, Sétima Semana de Luta… E a Arrogância e a Intransigência do Governo Roberto Cláudio, Causa Todo Tipo de Mal aos Trabalhadores, Inclusive o Físico.

Osmar Viana Notícias

Chegamos No Limite…!!!

Hoje tivemos a prova da vulnerabilidade dos trabalhadores agentes de saúde e agentes de endemias de Fortaleza, em greve ha 45 dias. Ocorre, todavia, que esses trabalhadores são os Principais Motores e Promotores da Saúde da População da nossa cidade. Entretanto, é a categoria que mais sofre com os desmandos e a falta de valorização do governo Roberto Cláudio.

O Resumo Nefasto que fazemos da fragilidade da saúde desses profissionais, pode ser demonstrado nos seguintes números; Só em 2014 (jan a out ), três trabalhadores se suicidaram por motivos relacionados ao trabalho. Como se não bastasse, além dessas abomináveis tragédias, ainda temos no seio da nossa categoria, inúmeros companheiros e companheiras que padecem no dia a dia com problemas psicológicos / mentais, problemas de drogas (lícita e ilícita) e problemas emocionais.

Hoje, 46 dias depois do início da greve, a companheira, Maria Camila Fernandes, agente de saúde do Posto Alarico Leite da SER VI, passou mal na Concentração dos Trabalhadores em frente a S.M.S. Uma das razões que contribuíram para esse absurdo, foi a precariedade com que esta trabalhadora se encontra tanto em termos de salário como de condições de trabalho. Afinal, nós, embora “ditos agentes de saúde e agentes de endemias” NEM AO MENOS TEMOS PRIORIDADE NOS POSTOS DE SAÚDE ONDE SOMOS LOTADOS. MUITO MENOS SOMOS AMPARADOS POR QUALQUER SISTEMA DE PREVENÇÃO DE DOENÇAS OU PROMOÇÃO DA SAÚDE EM NOSSO LOCAL DE TRABALHO.

Fica, portanto, FLAGRANTE O DESRESPEITO, A FALTA COMPROMISSO E PRINCIPALMENTE A FALTA DE POLÍTICA DE VALORIZAÇÃO DOS SERVIDORES PÚBLICO, EM ESPECIAL, OS AGENTES DE SAÚDE E AGENTES DE ENDEMIAS DE FORTALEZA. Que embora tenham o próximo dia 28 como dia Alusivo ao Seu Trabalho, esses profissionais nada tem a comemorar.

Ao contrário, até agora só tem recebido muita pressão, coação e assédio moral por parte da gestão Roberto Cláudio. Esperamos que no próximo dia 28/10/14, com a intervenção do Ministério Público, cheguemos a um consenso e façamos valer o que prerroga a Constituição brasileira, que diz no seu Âmago que ninguém, neste país está acima da Lei. Inclusive o prefeito de Fortaleza.

Concentração amanhã na S.M.S Até Lá !

Diretoria do Sinasce / Ceará


Terceira Semana de Luta… Vinte e Seis Dias de Greve… E Uma Vontade Imensa de Vencer!

Osmar Viana Notícias

 

       Agentes de saúde e agentes de endemias estejam estes em nível de Fortaleza, do Ceará ou de Brasil, Somos Sempre SINÔNIMOS DE LUTAADVÉRBIO DE INTENSIDADEVERBO INTRANSITIVO, quando o objetivo é Alcançar o SUBSTANTIVO VITÓRIA!

Até por que no histórico de Lutas e Conquistas, que agregamos ao Nosso Rol de Vitórias, podemos afirmar com segurança, que o VERBO que melhor nos representa, é o VERBO TRANSFORMAR! E Por isso o conjugamos no Infinitivo Uma Forma Clara de Enaltecer a Importância e a Relevância que cada conquista tem para cada um de nós.

Nesse Quatro de Outubro, Dia Alusivo ao Agente de Saúde e Agente de Endemias de Todo Brasil, Nós do Sinasce, PARABENIZAMOS TODOS OS AGENTES DE SAÚDE E AGENTES DE ENDEMIAS DO NOSSO PAÍS, em especial os ACE`s E ACS`s do Ceará. A todos vocês, Nossa Gratidão pelo Apoio e Nosso Reconhecimento e Respeito pela Honra que cada Um de Vocês nos Concede quando nos permite representá-los como entidade representativa que somos. Assim, externamos de maneira especial parte dessa gratidão, aos ACE`s e ACS`s de Fortaleza, em greve desde o dia 08 de setembro.

Por fim, Sugerimos que Cada Agente de Saúde e Agente de Endemias de todo país, amanhã 04/10/14, Dia Especial que lhe é dedicado, Reflita e Conclua Que Somos a categoria de Trabalhadores do Brasil, que Mais se TRANSFORMOU e continua em TRANSFORMAÇÃO em todos os tempos. E por isso mesmo, somo a categoria GABARITADA e com AUTORIDADE MORAL para Reivindicar e Exigir, de quem quer que seja, o cumprimento Imediato de DIREITOS como o Piso Salarial Nacional, bem como, a Expansão e Instituição de Melhorias de Condições de Trabalho para todos.

Aqui em Fortaleza, estamos em greve a 26 dias. Exigindo o cumprimento da Lei 12.994/14, que trata da implantação do Piso Salarial Nacional da categoria neste município. E aproveitando a deixa, queremos afirmar a quem interessar possa, que, não vamos deixar a Coação Nos Vencer… Não permitiremos que o Assédio Moral Nos Vença… E muito menos, que o Cansaço nos impeça de continuarmos…  Pois para Nós, Somente o Êxito e Apenas o Êxito Nos Fará Parar. Pois somente a Concretização dele significará o atendimento do pleito dos trabalhadores e, por conseguinte, o Cumprimento da Lei e o pagamento do Nosso Piso da categoria! Portanto,

        Vamos Juntos! Vamos Fortes!

Vamos Unidos… Vamos Ignorar o Fracasso…  

Vamos Unidos Garantir a Vitória de Todos!

 

Um tempo, segunda feira 06/10/14, a concentração, será na Degrada e Destruída Praça do Ferreira a partir das 08:00hs. Até Lá !

 

Diretoria Sinasce / Ceará.


25 dias de Greve… Nossas “Bodas de Prata” de Luta, de Entusiasmo e Desejo de Vitória !

Osmar Viana Notícias

Hoje, 02/10/14, a categoria de agentes de saúde e agentes de endemias de Fortaleza, completa vinte e cinco dias de greve em nossa cidade, Motivo e Razão que se traduzem na Busca Intransigente do Sinasce e da categoria de Fazer Valer os Direitos e Conquistas dos Trabalhadores.

Luta essa, que, em virtude da aridez do sofrimento que impõe aos trabalhadores que dela participam, pode-se afirmar; que a Cada Dia de Greve que passa, equivale a um Ano de Luta. Daí a razão das “bodas de Prata” completadas hoje. CONTUDO, A MOTIVAÇÃO E A DISPOSIÇÃO DA CATEGORIA também se RENOVAM na mesma PROPORÇÃO.

É, portanto, função de cada servidor e servidora, agente de saúde e agente de endemias de Fortaleza, CONQUISTAR mais adesões dos companheiros que ainda não estão participando do movimento, para que ESTES VENHAM SE INTEGRAR AO NOSSO MOVIMENTO, e, por conseguinte, se Somar aos nossos esforços na busca de uma GRANDE E DURADOURA CONQUISTA para todos nós.

 

Diretoria do Sinasce / Ceará


Greve… 24 Dias de Luta… Suor… E Sensação de Vitória!

Osmar Viana Notícias

 

Começam a se nortear os rumos que trilharemos na concretização do nosso Piso Salarial Nacional. O Sinasce, na rodada de negociação ontem, 30/09/14 na sede da SEPOG, reiterou sua posição FIRME na DEFESA das duas Propostas apresentadas à gestão de Fortaleza, nas rodadas dos últimos dias 19 e 23 de setembro, respectivamente.  Propostas estas, que ora encabeçam  o rol de “sugestões de cenários de viabilidade” produzido pelo GT estabelecido pela gestão de Fortaleza, e que hoje tornou-se de conhecimento público através da distribuição de cópias xerografadas e distribuídas para toda categoria, na assembléia realizada na S.M.S. (local de concentração dos trabalhadores).

Neste Documento, constam, além das duas primeiras propostas apresentadas pelo Sinasce nas rodadas de “negociações” anteriores, constam mais 08 cenários de possibilidade de aplicação, apresentados pela prefeitura de Fortaleza, e que agora, se somam as duas propostas do Sinasce. No entanto, boa parte das 08 propostas apresentadas pela gestão, já foram rechaçadas e rejeitadas pelos trabalhadores.

Caberá, portanto, a SEFIN (secretaria de finanças) na próxima “rodada de negociação” do próximo dia 08/10/14, REFERENDAR as propostas do Sinasce, ou, em conjunto com este Valente Sindicato, a categoria e demais membros do GT, EXTRAIR das várias idéias postas nos “cenários” levantados até agora, UMA NOVA PROPOSTA DE CONSENSO QUE TRADUZA NA SUA CONSTITUIÇÃO, A GARANTIA INEQUÍVOCA DAS VANTAGENS, DAS CONQUISTAS, MAS PRINCIPALMENTE, DOS DIREITOS E VANTAGENS QUE A LEI 12.994/14, ALBERGA E ASSEGURA À ESSE TRABALHADORES. E QUE POR ISSO MESMO, DEVEM SER ATENDIDOS E CUMPRIDOS IMEDIATAMENTE.

PORTANTO, COMPANHEIROS E COMPANHEIRAS …

        Vamos Manter a Fé… Vamos Manter a Esperança… Vamos Manter a Mobilização… Vamos Manter a União!

 

Diretoria do Sinasce / Ceará


Segunda-Feira, 29 de Setembro de 2014… Vinte e Dois Dias de Greve dos Agentes de Saúde e Agentes de Endemias de Fortaleza.

Osmar Viana Notícias

Vinte e Dois Dias de Greve… E Uma Enorme Perspectiva Para a Reunião de Amanhã!

Embora tenhamos proferido protesto solitário e deixado claro na última reunião com a Gestão de Fortaleza, de que não há motivo para mais protelação. Esperamos que os tecnocratas de plantão acatem nossa sugestão, e amanhã 30/09/14, na próxima “rodada de negociação” possamos estabelecer um norte de atuação e de SOLUÇÃO do problema da greve que hoje completa 22 dias. De preferência, que isso ocorra com a chancela do Ilmo. Secretário de Planejamento Orçamento e Gestão, Dr. Philipe Nottingham, bem como do Ilmo. Secretário de Finanças de Fortaleza Dr. Jurandir Gurgel,

Nós do Sinasce, sempre fomos e continuamos a ser UMA ENTIDADE PROPOSITIVA, investindo todos os esforços para que possamos Construir uma solução conjunta que atenda as demandas dos trabalhadores. Já propusemos duas Vertentes de Soluções, o que esperamos da gestão de Fortaleza, é tão somente a resposta, de preferência positiva, PARA ESTAS PROPOSIÇÕES.

Amanhã saberemos se a Gestão de Fortaleza está realmente disposta a negociar ou se tudo que é dito e colocado na “mesa de negociação” trata-se apenas falácias e enrolação.

Contamos Com todos Amanhã, 30/09/14, na sede da Sepog, a partir das 13:30hs. Até Lá ! E Boa Sorte a Todos !

 

Diretoria do Sinasce / Ceará.


Dá Orgulho de Ver… Três Semanas de Resistência e ACE`s e ACS`s de Fortaleza, Ignoram Cansaço e Fadiga e desconhecem o Verbo DESISTIR!

Osmar Viana Notícias

Sexta – feira, 26 de Setembro de 2014, Décimo Nono Dia de Greve… O  Ânimo da Categoria só Aumenta…  Assim como se Multiplicam as Adesões dos Trabalhadores ao Movimento… O que Tem Forçado a Concretização de Uma Solução Definitiva Para o Pleito da Categoria, e Que, já Começa a Dá Sinais de Aproximação!

Obstinados a fazer valer o Direito assegurado em Lei federal, os agentes de saúde e agentes de endemias de Fortaleza, encerram a terceira semana de greve na busca pela aplicabilidade do Piso Salarial Nacional da categoria junto a gestão de Fortaleza.

Na última “rodada de negociação” ocorrida ontem, 25/09/14, a prefeitura de Fortaleza NÃO APRESENTOU PROPOSTA e Nem Demonstrou Interesse Conclusivo de Solução. Assim sendo, o Sinasce mais uma vez Disse a Que Veio e na ausência de proposta por parte da gestão, o Sinasce DEMONSTROU SUA VACAÇÃO E SEU INTERESSE PARA NEGOCIAR. Tanto que invocando sua atuação Propositiva, acrescentou mais uma proposta para análise da prefeitura de Fortaleza, perfazendo em duas as PROPOSITURAS DO SINASCE, DENTRO GT. Lembrando que ambas as propostas ofertada pelo Sinasce, são de extrema factibilidade e de elastecido tempo hábil para sua aplicação. Portanto, com essa atitude, o Sinasce remete para a prefeitura de Fortaleza, a obrigação de dá uma resposta para os trabalhadores, já na próxima reunião que acontecerá no próximo dia 30 de setembro.

 

Primeira Proposta;

 

a)        Aplicação do Piso e R$ 1.014,00 a partir de setembro de 2014, acrescido dos 20% da Insalubridade, mais o Vale Refeição, Mais a primeira parcela do rateamento da negociação, que equivale a 25% do Valor da Indenização de Campo.

 

b)      No mês de outubro, mantém-se a proposta anterior só que ao invés dos 25% relativos à primeira parcela do rateamento, passaríamos para a segunda parcela do reteamento e esse percentual ao invés de 25% passaria para 50% do total da indenização de campo.

 

c)      No mês de novembro, mantém-se a proposta anterior só que ao invés dos 50% relativos à soma da primeira e da segunda parcela do rateamento, passaríamos para a terceira parcela do reteamento. E esse percentual ao invés de 50% passaria para 75% do total da indenização de campo.

 

d)      Finalmente, no mês de dezembro, mantém-se a proposta anterior só que ao invés dos 75% relativos à soma da primeira, da segunda e da terceira parcela do rateamento, passaríamos para a quarta e última parcela do reteamento e esse percentual ao invés de 75% passaria para 100% do total da indenização de campo.

Portando dessa forma, já a partir da folha de janeiro o Piso já estaria readequado ao novo valor, assegurando, por fim, todos os proventos e benefícios que a Lei 12.994/14 alberga.

Na Segunda Proposta.

a)        Aplicação Imediata do Piso e R$ 1.014,00 a partir de setembro de 2014. Acrescido dos 20% da Insalubridade, mais o Vale Refeição, Mais a Indenização de Campo.  Sendo que, Todos Esses Valores de Forma Integral Inclusive a Indenização de Campo.

e)      No mês de outubro, mantém-se o pagamento integral do Piso, Mais os 20% da Insalubridade, Mais o Valor Integral dos Vales Refeição. Contudo, Sem o Valor da Indenização de Campo. Tanto para ACE, como para ACS.

E a partir de novembro de 2014, o pagamento integral de todos os valores que Compõe a Remuneração dos Trabalhadores. Ou seja: Piso de R$ 1.014,00 + 20% de Insalubridade + Vale Refeição Integral e Mais o Valor da Indenização de Campo Integral.

Em tempo, o retroativo relativo à diferença do Piso, referente ao período de junho a setembro, buscaremos judicialmente.

 

Portanto, caríssimos ACE`s e ACS`s de Fortaleza, essas são as duas propostas do Sinasce e, por conseguinte, da categoria em greve. Que, aliás, não tenham dúvida, uma vez atendida(s) cessará imediatamente o movimento grevista. Que, aliás, a nosso ver, se existisse interesse de fato por parte da gestão de Fortaleza, já deveria ter encerrado há muito tempo.

No entanto a gestão de Fortaleza, AGORA NÃO PODE ALEGAR QUE NÃO EXISTE PROPOSTA DOS TRABALHADORES. E, CABERÁ A MESMA, SE PRONUNCIAR JÁ NO PRÓXIMO DIA 30 DE SETEMBRO COM UMA CONTRAPROPOSTA DECENTE QUE ATENDA E CONTEMPLE OS ANSEIOS E AS DEMANDAS DOS TRABALHADORES.

 

VAMOS CONTINUAR MOBILIZADOS, VAMOS FORTALECER CADA VEZ MAIS O MOVIMENTO… VAMOS BUSCAR A VITÓRIA, QUE PODE ATÉ TARDAR… MAS NÃO FALHARÁ!

 

Segunda feira 29/09/14, Concentração na Sede da S.M.S.

 

 

Diretoria do Sinasce / Ceará


Agentes de Saúde e Agentes de Endemias de Fortaleza Entram no Seu Décimo Sétimo Dia de Greve… E Diga-se, Mais Forte do Que Nunca!

Osmar Viana Notícias

 

Determinados a só encerrar o movimento grevista depois de uma solução definitiva para o motivo que levou os trabalhadores a deflagrarem o movimento paredista em Fortaleza.

O governo Roberto Cláudio, insiste em alegar que não há outras cidades e/ou capitais em greve, em razão da aplicabilidade do Piso Salarial Nacional da Categoria. Ele só não explica, que em todos os outros 5.574 municípios brasileiros já existem municípios pagando em estado avançado de negociação para assegurar o pagamento do Piso da categoria. O que infelizmente, não tem acontecido em Fortaleza, até agora nem ao menos se engatinhou a perspectiva de se estabelecer um calendário para este fim.

Movidos pelo Apelo e pela Garra da categoria, o Sinasce, reitera sua DISPOSIÇÃO para NEGOCIAR e se coloca a disposição da gestão de Fortaleza, no que se refere a CONSTRUIR UMA SOLUÇÃO CONJUNTA que atenda de maneira integral os pleitos e as demandas da categoria. Enfatiza, entretanto, que não partilhará de nenhuma “solução” de improviso, que coloque em risco, Direitos e Conquistas assegurados com Lutas, Suor e Sangue.

Amanhã Será Maior… Amanhã, Será Ainda Melhor !

Vamos Todos Dizer o Porquê somos a Mais Aguerrida Categoria de Trabalhadores do Brasil!

Amanhã, Quinta, 25/09/14, A CONCENTRAÇÃO SERÁ NA PRAÇA DA IMPRENSA A PARTIR DAS 13:00HS. Até Lá! E Um grande Abraço !

Diretoria do Sinasce / Ceará


A Greve dos Agentes de Saúde e Agentes de Endemias de Fortaleza Tem Razão de Continuar?

Osmar Viana Notícias

Com 16 dias de greve a categoria dos agentes de saúde e agentes de endemias de Fortaleza,  Há Pouco Avanço nas Negociações, principalmente, no que se refere ao atendimento de suas demandas e de seus pleitos. Inserida num círculo vicioso de negociação permanente, os trabalhadores resistem a tentativa da gestão de Fortaleza, de a todo custo, tentar desqualificar o movimento, inclusive, pedindo na justiça, a sua abusividade/ilegalidade.

Com a calma e a paciência que lhe é peculiar, e, mesmo tendo a prefeitura de Fortaleza “encenado” com uma perspectiva de encaminhamento através da reativação do GT (grupo de trabalho), a categoria não se deixa intimidar e opta por continuar o movimento paredista na cidade de Fortaleza.

Para o Sinasce, sindicato que representa a categoria, essas táticas já eram esperadas por parte da gestão Fortaleza. Contudo, o sindicato aposta no Maior e Melhor Combustível que “move e impulsiona” o espírito de luta dos trabalhadores. Ou seja: A INDIGNAÇÃO!

Cansados de Tanto Desdenho, Cansados de Tanta Falta de Compromisso, e principalmente da Falta de Valorização, a categoria se apega ao “viés” de que, hoje, é a categoria com o menor salário da prefeitura de Fortaleza ou seja; salário mínimo. Embora, disponha de uma Lei Federal que reestrutura esse Piso Salarial, a prefeitura de Fortaleza Resiste em cumprir essa Lei. O que repercute de maneira negativa o que Nutre ainda mais, a Indignação dos trabalhadores, que por conseguinte, Produz Motivo Suficiente que Justificam a Greve da Categoria.

Na reunião de ontem, 22/09/14 na sede da S.M.S, a gestão estabeleceu um calendário de reuniões/rodadas de negociações que, na prática, findam com a possível conclusão dos trabalhos da “comissão tripartite” estabelecida pela portaria 1833, publicada pelo Ministério da Saúde no último 03/09/14. Cujo objeto, estabelece um prazo de 90 dias a partir da sua publicação. O que na prática, significa concluir os trabalhos em novembro de 2014, coincidindo, portanto, com a data da possível reunião com o prefeito de Fortaleza para que este decida sobre o Piso da Categoria.

Percebendo essa artimanha, o Sinasce, propõe que “esse calendário” seja redimensionado, alterando as datas e diminuindo o número de reuniões do GT, para que não se eternize o processo de busca de solução para o problema que ora se reafirma como o principal motivo da greve, ou seja: o Pagamento do Piso Salarial da Categoria.

Portanto, com essa propositura de solução, o Sinasce Remete a prefeitura de Fortaleza, a Condição de Resolver Concomitantemente, o problema da greve, através da obediência da Lei e da aplicação do Piso.

Reiteramos, todavia, que nós do Sinasce, bem como a categoria em greve, estamos atentos e dispostos a negociar, notadamente e de preferência, com processos e procedimentos que gerem resultados céleres e positivos para os trabalhadores. Observando sempre, se a produção desses resultados não fere ou contradiz os interesses desses trabalhadores.

É assim que trabalhamos ! É assim que fazemos do Sinasce, o sindicato mais atuante e combativo do Brasil. Parabéns aos guerreiros e guerreiras que incondicionalmente tem fortalecido a LUTA através da participação no Movimento.

Vamos a Luta ! Vamos a Vitória !

 

Diretoria Sinasce / Ceará


Estratégia Acertada – Prefeito Roberto Cláudio, Recebe Sinasce e Propõe Trégua Para Negociação.

Osmar Viana Notícias

 

Marcada inicialmente para acontecer na Praça Portugal, a concentração dos agentes de saúde e agentes de endemias de Fortaleza, em greve ha 12 dias, foi transferida para o Bairro Lagamar, onde se encontrava o prefeito de Fortaleza, Dr. Roberto Cláudio, em virtude da reinauguração do Posto de Saúde César Calls.

Surpreendido pela chegada dos agentes em greve, o prefeito atendeu a solicitação da diretoria do Sinasce, e recebeu o sindicato ali mesmo em uma sala reservada. Nesta reunião, o Ilmo. Sr. Luis Cláudio, presidente do Sinasce, os Ilmos. Srs, Osmar Viana, Quintino Neto e Sávio Leão Diretores do Sinasce. Além de outros convidados da categoria; Srs; Ptr. Valdemir, Sra. Lourdes e l

Oportunamente, Sr. Luis Cláudio, faz algumas considerações sobre a factibilidade da aplicação do Piso da categoria e cobra do prefeito a sua aplicação imediata. Seguido pelo Ilmo Sr. Osmar Viana, que expõe ao prefeito as razões/motivos que fundamentam a decisão da categoria de entrar em greve. Dentre elas, a clara falta de uma proposta de consenso dentro do GT, cuja criação fora sugerido pelo próprio Prefeito, e que tinha, a princípio, o objetivo de produzir uma proposta conjunta com o Sinasce e demais entidades para ser apresentada ao mesmo, em reunião a ser marcada a posteriori. O que, segundo Osmar, neste cenário, a falta de uma proposta ACABADA E DE CONSENSO dentro do GT (grupo de trabalho) foi que fomentou a decisão da categoria de entrar em greve.

Até por que, até aquele momento tudo que o GT conseguiu produzir, foi uma condição de dissenso. O que significa que ao ser apresentada ao Ilmo. prefeito, essa, da forma que está, iria requerer mais tempo e subsídios do mesmo para se chegar a um processo de resolutividade definitivo.

Sr. Quintino demonstra na sua fala que há as condições necessárias para que o Piso da categoria seja aplicado, só carece que haja mais empenho e vontade política para isso aconteça e cita alguns números de conhecimento público. E alinhado com os demais diretores e convidados presentes reitera que a participação do Sinasce no GT, foi extremamente propositiva. Chegando a apresentar uma proposta de escalonamento do pagamento da ajuda de campo da categoria, até o fim do ano. Mas que infelizmente, nem mesmo essa proposta produziu o consenso necessário que gerasse o encaminhamento perseguido dentro desse GT. Ao receber cópia dessa Proposição apresentada pelo Sr. Luis Cláudio, o prefeito responde a este gesto, com a alegativa de que ali não é o Fórum adequado para negociação.

Por fim, propõe ao sindicato e a categoria em greve, que retonem as negociações e que segundo ele, desta vez “orientará” sua equipe de tecnocratas, que avancem na busca de soluções que possam, junto com o Sinasce, produzir uma proposta de consenso. Prefeito reitera ainda, que essa fase do GT terá a participação da SEFIN (secretaria de Finanças) para que esta possa fazer e mensurar todos os níveis de impactos financeiros em curto médio e longo prazo em virtude da aplicação do Piso da categoria, inclusive, os impactos advindos da aplicação do PCCS dos trabalhadores.  Finaliza sua fala, pré-agendando para a próxima reunião do GT, para a próxima  segunda-feira, 22/09/14, as 14:00hs, na Secretaria Municipal da Saúde –  S.M.S

O Sinasce, todavia, sempre balizando suas decisões nas PREMISSAS da Verdade, Prudência e Transparência, opta por fazer a Assembleia com os trabalhadores também na próxima segunda-feira, 22/09/14, na sede da SMS, a partir das 08:00hs, para submeter ao crivo dos mesmos a proposição acima descrita.

Portanto, até a soberana decisão da categoria, a greve de ACE`s e ACS`s, continua por tempo indeterminado no município de Fortaleza. Contamos com a presença de todos na segunda-feira para que possamos decidir o Rumo de Nossas Vidas.

 

Diretoria do Sinasce / Ceará.


Greve! Onze Dias… E Nenhum Segredo!

Osmar Viana Notícias

 

Sem Segredo, Sem Piso, Sem Respeito por parte da Gestão de Fortaleza… MAS COM MUITA GARRA E VONTADE DE VENCER!

Hoje, 18/08/14, a categoria dos agentes de saúde e agentes de endemias de Fortaleza, completa 11 dias de muita Luta e Resistência em busca do seu merecido Piso Salarial Nacional.

Ontem, 17/08/14, na grande marcha realizada na Av. Desembargador Moreira, o secretário de Planejamento Orçamento e Gestão, Dr. Philipe Nottinghan, recebeu o sindicato, representado pelos Ilmo. Dir. Osmar Viana e a Vice-Pres. Vera D`Arc, que reiteraram ao mesmo, as questões e as razões que justificam a continuidade do movimento grevista dos trabalhadores.

Os Diretores supracitados, reiteraram ainda, ao Ilmo. Secretário, que tanto o sindicato como a categoria está disposta a NEGOCIAR, mas para isso, é necessário que haja um momento específico com o prefeito, para que o Sinasce/categoria possa expor de Maneira Transparente e sem Influências Nefastas as Proposições que Defendemos dentro do GT, sugerido inclusive pelo próprio prefeito, que teoricamente teria como objetivo, este fim.

Assim, os diretores supra nominados, solicitaram mais uma vez do referido secretário uma “interlocução” junto ao prefeito de Fortaleza, Dr. Roberto Cláudio, para que este se pronuncie a respeito da PROPOSIÇÃO DO SINASCE, integrada aos “encaminhamentos” do GT, que dentre outras coisas defende: a Aplicação do Piso Nacional Imediatamente, assegurando a insalubridade, vale refeição, vale transporte/passe livre para os trabalhadores. Bem como defende assegurar o repasse da Ajuda de Custo e do retroativo do Piso Salarial referente aos meses de junho, julho, agosto e setembro, de forma rateada até dezembro/2014.

De forma que a partir de janeiro de 2015, os trabalhadores posse ter assegurado o Repasse Integral do Piso Salarial + Ajuda de Custos/campo + a Insalubridade + Vale Refeição e Vale Transporte e outros benefícios garantidos e assegurado em Lei e em Luta.

Pro fim, reiteramos aos nossos companheiros e companheiras que ainda não aderiram à greve, QUE VENHAM FORTALECER NOSSO MOVIMENTO, NÃO SE OMITA NESSE MOMENTO DE LUTA! QUE BUSCAR CONCRETIZAR UMA VITÓRIA QUE SERÁ E BENEFICIARÁ A TODOS!

Dir. Sinasce / Ceará

 


1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 ... 17 18   Next »